27 novembro, 2010

Chega de Casseta!

Depois de quase 20 anos sairá do ar um dos programas mais longos, entediantes e sem graça da TV brasileira. Estou falando do totalmente dispensável "Casseta & Planeta" (TV Globo), que teve seu fim anunciado ontem (26) pela emissora carioca.


A TV Globo afirma que a descontinuação de um de seus principais programas não foi uma decisão de sua diretoria. "É uma decisão dos humoristas", disse ela. Mas se olharmos com um pouco mais de atenção veremos que tudo indicava que "Casseta & Planeta" não merecia mais fazer parte do horário nobre da TV aberta. A começar pela qualidade. Há muito se sabe que os cassetas causam mais bocejos do que risadas. Suas piadas ficaram velhas e os quadros e paródias das novelas da emissora eram mais do que previsíveis. Não houve novidades, transgressões, preocupação em se reinventar ou em fazer experimentações. A trupe entrou numa zona de conforto profunda e sem volta. O resultado foi uma audiência estagnada e insatisfeita, chegando a amargar míseros 20 pontos de média, considerado insatisfatório para o horário nobre, e humilhante para os humoristas, levando-se em conta as médias conquistadas pelo programa em anos anteriores.


Dizem que o humor na TV aberta precisa ser escrachado, estereotipado, sem qualquer preocupação com a boa produção e o bom roteiro (aqui podemos lembrar de programas como "Toma Lá Dá Cá", "Sai de Baixo", "A Diarista", entre outros) para atingir o cidadão comum. Mas o que vimos nos últimos anos foi caindo por terra a teoria do telespectador que aceita qualquer coisa que lhe ofereçam. Cada vez mais os telespectadores buscam programas de humor esperando mais do que um homem vestido de mulher em situações absurdas, personagens estereotipados sem qualquer propósito, ou frases de efeito repetidas programa após programa. Com o advento da Internet e da TV por assinatura com suas séries e programas de humor estrangeiros, hoje o telespectador tem à sua disposição infinitas possibilidades de encontrar aquilo que melhor lhe agrada. E com mais informação é natural passar a exigir mais daquilo que lhe é oferecido. Afinal, chega uma hora em que se torna cansativo tantos programas que trazem um humor que nos trata como meros receptores sem senso crítico e sem capacidade de raciocínio.


Podemos afirmar que "Casseta & Planeta" chegou perto de se tornar um "A Praça É Nossa" da TV Globo. O que diferencia as duas atrações é a humildade dos cassetas em reconhecer que precisavam de uma grande mudança para não cairem no esquecimento. E essa mudança virá já em 2011, como afirmaram os humoristas. Eles aproveitarão suas férias estendidas para repensar um novo formato, dessa vez mais adequado à realidade do que o telespectador deseja. Assim, ganhamos todos. Eles continuam no ar, e nós ganhamos mais uma opção de entretenimento. E dessa vez esperamos que tenha mais qualidade.

3 comentários:

Rafael disse...

Ahhh
Acho que realmente, o formato foi se desgastando com anos, mas temos que lembrar que eles foram os primeiros a sugerir um humor mais politico e desbocado. Antes disso tinhamos somente os velhinhos engraçados da praça é nossa e suas piadinhas brejeiras.
Fico feliz por eles perceberem que já deu, mas acho importante eles terem existido.

K. disse...

JURA????
Meu deus, mas já vai MTO tarde!

dd.souza disse...

Cresci assistindo esse programa e admito que a morte do Bussunda enfiou eles numa zica produtiva tão grande que só agora eles conseguiram se tocar... humor,como tudo na vida atual,precisa de renovação,então... nos vemos daqui a 6 meses!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...