11 agosto, 2010

Para você votar direito

Para melhorar o Brasil não basta votar, é preciso conhecer a fundo as propostas e o histórico político e público de seus candidatos. Nunca é demais saber o grau de instrução, histórico familiar, suas ligações políticas, etc. Tudo é válido para você ter plena certeza de que fará uma ótima escolha, e que colocará no poder políticos dignos da montanha de dinheiro que recebem pelo pouco que fazem.

Pensando nisso, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulga em seu site a lista completa dos candidatos a todos os cargos pretendidos nessa eleição. Lá você tem acesso, dentre outras coisas, à declaração de bens, certidão criminal, prestação de contas de onde vem o dinheiro para a campanha e a situação da candidatura (se foi impugnada ou não). Essas são informações básicas, mas muito importantes para que tenhamos a certeza de que votamos corretamente, depositando nossa preciosa confiança em pessoas que farão bom uso de seus títulos.

E me chamou muito a atenção a quantidade de candidatos que tem como grau de instrução "saber ler e escrever". Um exemplo é o
candidato a Deputado Federal Francisco Everardo Oliveira Silva, mais conhecido por Tiririca. Como se não bastasse não ter declarado nenhum bem em seu nome (onde será que ele usa todo o dinheiro que ganha fazendo idiotices na TV?!), disse ter em caixa mais de R$ 3 milhões para ludibriar a opinião pública tentando nos convencer de que merece, e muito, nosso voto.

A dúvida que me acometeu foi pelo fato de que uma pessoa que tem como grau de instrução "saber ler e escrever" ter conseguido levantar mais de R$ 3 milhões para sua campanha e ainda ter a coragem de nos dizer que não possui nenhum bem. Alguém com tantos doadores realmente pretende trabalhar em prol do desenvolvido do país? A quem ele prestará serviço SE eleito? Quais critérios seus colaboradores tiveram para depositar tanta confiança (e dinheiro) em uma pessoa sem qualquer nível intelectual, cultural e político para exercer qualquer que seja o cargo pretendido?

Temos tantos problemas para serem resolvidos em São Paulo que eleger um cidadão como o Tiririca para nos representar em Brasília tornará ainda pior a situação de nosso Estado. Pessoas como ele não se jogam no meio político por vocação, vontade de mudar o mundo ou não tiveram qualquer "chamado divino". Eles simplesmente querem uma nova fonte de renda mais polpuda, mais fácil e uma vida cheia de benesses à custa dos nossos impostos.

Outro grande fiasco da política em São Paulo é a
Suellem Aline Mendes Silva, conhecida intimamente por "Mulher Pêra". Ela é mais uma daquelas mulheres que as únicas coisas a oferecer são peitos siliconadas e bundas fartas. E, assim como Tiririca, seu grau de instrução não passou do "saber ler e escrever" (tem coisa pior do que estar no mesmo nível do Tiririca?). Seu único bem declarado foi um automóvel Mercedes no valor de R$ 20 mil.

Para a campanha a senhorita de peitos grandes disse ter em seu cofrinho R$ 3 milhões. Mas acredito que a julgar pelo tamanho de seu decote na foto que aparecerá na urna eletrônica, com menos de R$ 100 ela conseguiria o mesmo número de votos. Afinal, peitos e bundas são a grande paixão nacional, atrás apenas de programas dominicais fúteis. Com aquele par de peitões a mostra não há marmanjo sem cérebro que não depositará seu voto (e sua dignidade) nessa mulher que hora se vende como fruta e hora se vende como um pedaço de carne.

Para você não cair no erro de votar em absurdos como esses, acesse o site do TSE e pesquise sobre seu candidato. É um ato simples e rápido, que lhe tomará poucos minutos, mas que ajudará você a fazer a melhor escolha que definirá o futuro de um país inteiro.

2 comentários:

Igo Araujo disse...

impressionante como tem gente idiota que se presta a votar em absurdos como esses.

tem gente que leva o "representar o povo" ao pé da letra demais...

flws
abçs

K. disse...

brasileiro foi obrigado a votar sem saber qual a importância disso. dá nessa merda!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...