18 agosto, 2007

Isso é gay, aquilo é hétero, aquilo lá é gay, isso aqui é hétero...

"Não que homossexual não possa jogar bola. Pois que jogue, querendo. Mas, forme seu time e inicie uma federação. Agende jogos com quem prefira pelejar contra si"; "Não se mostra razoável a aceitação de homossexuais no futebol, pois prejudicam a uniformidade do pensamento da equipe"; "Para não falar no desconforto do torcedor (....) de perder-se em análise dos comportamentos deste ou aquele atleta, com evidente problema de personalidade ou existencial". Por fim, ele conclui brilhantemente: "Cada um na sua área, cada macaco no seu galho, cada galo em seu terreiro, cada rei em seu baralho".

(trecho do parecer do juiz manoel maximiniano junqueira, negando ação do jogador Richarlyson contra diretor do palmeiras)

Mais um pouco e seremos marcados como gado, aprisionados em guetos, e queimados em praça pública, acusados de "desvirtuar o estilo hétero de ser".

4 comentários:

Raphael disse...

Eu li esse bagulho na íntegra, e sei lá, nem to afim de repetir tudo que eu já disse sobre isso, ok?
PÁRA DE SER ATRASADO. Isso é da semana passada.

MaxReinert disse...

Patético!
Não existe outro adjetivo para esse juiz!
Como se a pessoa com quem eu vou pra cama influenciasse de alguma maneira o que eu posso ou não posso fazer!
Ridículo!

.tii.* disse...

Aff...
pode crer... rs...

mas foda-se o futebol! não gosto mesmo! rs....
ah, e foda-se tbm o juiiz!
xD


oooohhh... entrreeeii no blog! \o/
rs....
enfim
BeijoS!

Danilo Moreira disse...

Pois é, isso mostra a disparidade que vivemos: evoluimos na tecnologia, mas estacionamos na função de conviver com as diferenças.

Abraços!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...