12 dezembro, 2009

Trânsito, agito e assalto

Ah, a Avenida Paulista. A avenida símbolo de um povo poderoso. É o local que melhor expressa a riqueza desse Estado que é São Paulo. Todos os povos, todos os credos, todas as tribos. Nela, todos somos um. E em meio à vida norturna agitada, à diversidade, à pressa e ao trânsito caótico um novo elemento toma conta aos poucos de um dos maiores símbolos do capitalismo brasileiro: crianças assaltantes. E tão inexistente é a ação da polícia que essa já se tornou mais uma das imagens da região. Enquanto os policiais ficam empoleirados nos quiosques de vigilância, os pequenos delinquentes fazem a festa roubando celulares e carteiras daqueles que passam desavisados, hipnotizados pelo mundo que é essa avenida. Entre um arrastão e outro, o que a polícia diz sobre isso? "Já estamos trabalhando nisso...".

Transitar pela avenida também passou a ser um programa insuportável após a reforma das calçadas. Mais bonitas e lisas feito um tapete, viraram o sonho de qualquer skatista e ciclista. Em meio às manobras arriscadas ficamos nós, pedestres, acuados e medrosos, nos esforçando para tentar desviar daqueles jovens sem qualquer senso de civilidade. O que a Prefeitura diz sobre isso? "Já estamos trabalhando nisso...".

A Avenida Paulista, de símbolo de um Estado forte e de um povo trabalhador, está se tornando símbolo da falência do poder público. Um dos poucos locais em que restavam o mínimo de qualidade e bem estar para se passar momentos agradáveis está morrendo. E junto vai meu sonho de um dia poder acreditar que viveremos decentemente, sem medo, com leis e respeito mútuo.

2 comentários:

Samuel Bryan disse...

pior é que as crianças bandidas geralmente vem acompanhadas de uma experiencia profissional que supera quem tem anos nessa profissão

Rick Galdino disse...

A Paulista realmente é encantadora, principalmente nesta época de natal. Andar nela no fim de tarde é fantástico. Gente de todo tipo, cara e bolso.

Há o perigo da Paulista ter o mesmo fim da região central (República, Luz). É uma pena.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...