21 outubro, 2009

Ainda é muito pouco


O Governo do Estado planeja inaugurar a linha 4-Amarela do Metrô entre março e abril de 2010. O problema é que a nova linha será inaugurada com apenas QUATRO estações (Faria Lima, Fradique Coutinho, Oscar Freire e Paulista). Digamos que seria o mesmo que pegar um ônibus para subir ou descer a Avenida Rebouças. Numa cidade com os problemas de congestionamento como São Paulo, isso é muito insuficiente. Aliás, o metrô Paulista é insuficiente como um todo. Se compararmos o sistema metroviário da Cidade do México, que possui o mesmo porte de São Paulo, veremos que lá o metrô é TRÊS vezes maior. E nada de dizer que o metrô mexicano é maior por ser mais antigo. Ambos começaram a ser construídos na mesma época, no final dos anos 60.

Nosso querido Governador, José Serra, precisa desesperadamente de obras grandiosas para mostrar nas eleições do ano que vem. Nova Marginal Tietê, a suposta modernização da CPTM (que na verdade não passou de um ou dois trens pintados de vermelho berrante e trens novos na "linha de luxo", a 9-Esmeralda, onde já havia os trens mais novos e modernos da rede) e agora a inauguração de um trecho irrisório da nova linha 4-Amarela. Tudo em nome da Presidência.

E por falar na nova linha do Metrô... Muitos já devem saber que ela será operada durante 30 anos por um consórcio envolvendo dois dos maiores financiadores de políticos desse país, o Grupo Andrade Gutierrez (de onde já fui funcionário, aliás) e o Grupo Camargo Corrêa. A nova empresa se chamará ViaQuatro. Pode parecer besteira, mas a utilização de uma nova marca na linha 4-Amarela acabará com um dos nossos maiores orgulhos. Como bom Paulista que sou, não concordo com a descaracterização do Metrô, uma empresa com mais de 40 anos de história e prestígio, tendo em sua marca um enorme reconhecimento de pontualidade, competência e credibilidade. E tudo isso em uma empresa estatal, algo muito raro de se encontrar hoje em dia no Brasil.

6 comentários:

Rick Galdino disse...

A linha 4 será a mais medíocre de todas. Tudo bem que para mim será de grande utilidade, mas servirá apenas para tirar a grande quantidade de ônibus de pinheiros e da rebouças/consolação.

A função dela é bem diferente das linhas azul e vermelha, que interligam os pontos cardeais da cidade.

CPTM:
meia duzia de trens pintados, umas passarelas, duas estações e só. Grande expansão.

Não entendo as peças publicitárias da TV. ´Tem uma, que foi feita na estaçaõ luz, que parece a abertura do programa do netinho no SBT

Samuel Bryan disse...

quanto ao post de baixo:
se decide viado, ou tu é contra eles ficarem nus ou a favor!

Trânsito Livre disse...

Bom, tudo isso é mto bacana, mas o acontecimento mais notável e eficaz dos últimos tempos, no que diz respeito a transportes, foi o corte dos fretados.
Isso foi planejamento de quem sabe!!

Thiago Almeida disse...

Falou tudo!
E aproveito tua deixa pra falar registrar o Serra falando da saúde. Pelo que o Serra fala da saúde pública de SP, tenho certeza que ele não tem plano médico e não irá para o Albert Einstein se precisar!

Provavelmente, o transporte também entra nessa. Ele vai trabalhar pelos ares!

2010 tá aí, Serra + Kassab!

Cleyton Vilarino disse...

Gente.. desafogar a Rebouças é tudo nessa cidade! Aquela avenida não anda! E é essencial para ligar os recondidos da Zona Oeste ao Centro. Sem contar que a linha Amarela desafoga outras linhas de trem da CPTM que são um inferno. O que o Rick Galdino diz não tem fundamento... Tudo bem odiar o serra, mas a obra é importante, sim.. a relevância dela é inquestionável. O que é questionável é o modo como ela tem sido conduzida. (privatização, gastos com propaganda desnecessária e etc...)e nisso concordo com você, Thiago. Corremos o risco até mesmo da tarifa da linha 4 ser diferente da tarifa das demais linha do Metrô!

buzao disse...

Thiago ,concordo plenamente com voce ,nós como paulistas ou paulistanos deveriamos fazer protestos como antigamente pra linha 4 voltar ao seu dono real o metro ,mas como no brasil só da futebol e samba

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...